Anúncio de contratação de atração musical em Várzea Alegre gera polêmica e divide opiniões

A polêmica gira em torno dos gastos elevados em meio à campanha feita pela população para não permitir o fechamento do Hospital São Raimundo

No último dia 2 de junho o prefeito de Várzea Alegre, Zé Hélder, anunciou a contratação do cantou Junior Viana como atração principal do 40° Forró de São Pedro no CSU, que acontecerá no dia 29 de junho, véspera de feriado no 30 de junho

O Forró do CSU faz parte dos festejos juninos de Várzea Alegre, que ocorrerá entre os dias 25 e 29 de junho e tradicionalmente ocorrem na Praça Sanfoneiro Chico de Amadeu e na quadra do CSU.

Entretanto, em meio à possibilidade de fechamento do único hospital de Várzea Alegre, o São Raimundo, muitos discordam da decisão da gestão. Em um momento em que a população de Várzea Alegre se mobilizou em prol do “socorro” ao Hospital São Raimundo, um gasto de R$ 100.000,00 (cem mil reais) para a contratação de um cantor por um curto período de menos de duas horas é, de certa forma, um desrespeito à população que sofre com o caos vivido pela saúde municipal, que respinga em uma boa parcela da população, em especial os mais pobres.

Extrato contratação cantor Junior Viana por 1h e 40min

Link do contrato firmado entre o município e o cantor:

https://www.varzeaalegre.ce.gov.br/contratos.php?id=2519

Esse é apenas um dos diversos gastos que serão realizados, tendo em vista que a programação do XIX Festejo Várzea Alegre Junina 2023 terá diversas outras atrações, sem contar com os gastos com mídia e estruturas.

O EscotilhaNews entrou em contato com algumas pessoas que se manifestaram em suas redes sociais e em grupos de Whatsapp. Um deles falou: “Não sou contra as festividades não. Desde que os gastos não sejam do jeito que são. Poderia ter gasto bem menos e contratado os cantores de Várzea Alegre. Valorizava os nossos artistas e gastava bem menos, o dinheiro não saía da cidade”.

O Hospital São Raimundo passa por extrema dificuldade financeira. Embora seja filantrópico, é o único do município e é considerado polo, por atender às demandas de outros municípios. São quase dois milhões de reais em débitos que precisam ser cobertos o quanto antes, tendo em vista a possibilidade do agravamento das dívidas e consequentemente da situação.

Hospital São Raimundo, único do município

Recentemente uma grande campanha, com a participação maciça de todas as classes e categorias do município, foi realizada para a arrecadação de fundos, alimentos e produtos de limpeza numa tentativa da população de não deixar o hospital fechar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + 9 =