Paredinha Extressada completa 12 anos e anuncia evento comemorativo

Os porta-malas de milhares de carros brasileiros guardam um universo. É uma história que data do fim dos anos 80, se agiganta na virada dos 90 para os 2000 e hoje envolve cadeias de produção intrincadas, orgânicas e, por vezes, subterrâneas. É música popular brasileira no sentido mais amplo do termo — sem letras maiúsculas — de muitos, muitos decibéis. É uma história ainda relegada a umas quantas pesquisas, polêmicas nos telejornais policialescos da tarde e leis inconclusivas. É a história dos sons automotivos, hoje sob a forma de paredões.

Anderson Freitas de Oliveira é dono de um desses seres mecatrônicos tipicamente brasileiros. O aparato, sustentado por um reboque que pode ser engatado a seu carro, é formado por uma pilha de caixas que abriga 30 alto-falantes: 14 para sons agudos, 12 para sons médios e 4 para sons graves. Um sistema pirotécnico de luzes está acoplado à máquina, que vem à vida graças a cabos, fios, baterias e pré-amplificadores.

Para promotores de eventos, o interesse por essas máquinas ultrapassa a necessidade de um sistema de som — o Paredão Extressado, por exemplo, tem PAs e alto-falantes presos no teto. O paredão, em toda a sua capacidade sônica, visual e socializante, é a verdadeira atração.

Projeto 2023 – Paredinha Extressada

O começo

Tudo começou com uma brincadeira em torno de algumas caixas de som, dessas de residência mesmo. Utilizando-se de alguns desses equipamentos caseiros o jovem varzealegrense Anderson Freitas de Oliveira, então com 15  anos, montou o seu primeiro equipamento de som automotivo. À época ele residia com os seus pais em Barueri-SP.

Daí por diante o amor pelo som automotivo foi invadindo a alma do jovem e os projetos começaram a surgir. Em 2017, já em Várzea Alegre, surgiu a “Saveiro Extressada”, que se transformou no som automotivo mais conhecido da região.

Saveiro Extressada 2017

Seu projeto atual, conhecido como Paredinha Extressada, é bem interessante e se destaca pela sua sonoridade mais voltada para o profissional, segundo Anderson o único da região no modelo.

“Fomos o único som aqui de Várzea Alegre que já recebeu convite para campeonato de som automotivo em Morada Nova, mas nunca conseguimos comparecer por falta de apoio”, conta Andersom.

Atualmente Andersom trabalha com propaganda volante e também ajuda amantes da música a montarem seus sons, tirando dúvidas e sugerindo equipamentos.

“O pessoal que está começando a montar um ´sonzinho´também prá curtir, tomar uma cerveja no seu carro a gente faz consultoria e também de forma gratuita tiro as dúvidas”, disse ele à nossa reportagem.

Anderson está organizando uma festa para comemorar a importante data para a sua carreira profissional. A primeira edição da festa foi realizada em 2022 e contou com 12 atrações. Este ano já são mais de 19 atrações confirmadas. Este ano o evento comemorativo dos 12 anos do Paredão Extressado acontecerá no dia 16 de dezembro e leva o título de “Noite do Gera da Paredinha Extressada – 2ª Edição”. Será no Bar Pedro Neto, no sítio Bebedouro, em Várzea Alegre e já conta com várias atrações, como DJ PVS, Karllos Vianna, Carlos Cantor, Daniel dos Teclados, dentre outros.

Evento comemorativo

Anderson conta ainda que os artistas que cantam na região gostam muito do seu trabalho, “mesmo sendo desvalorizado e perseguido”. Ele reforça ainda que esta será a primeira vez que atrações de localidades distantes foram confirmadas.

O Paredinha Extressada está em busca de patrocínios e aquelas pessoas que desejarem contribuir com o trabalho do jovem podem contactar no seguinte número: (88) 98136-1768 (Whatsapp).

Anderson Oliveira é casado com Liliane Oliveira e o casal tem um filho, Luiz Otávio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + dois =