Daniel Alves é condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por estupro de uma mulher na Espanha

Daniel terá ainda que pagar indenização de R$ 800 mil para a vítima

O jogador de futebol Daniel Alves foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por estupro na Espanha. O tribunal de Barcelona anunciou a sentença nesta quinta-feira (22). Na decisão a tribunal acatou a denúncia de que o jogador brasileiro agrediu e abusou da mulher no banheiro de uma boate, em Barcelona, no ano de 2022.

A defesa de Daniel Alves disse que recorrerá da decisão. Enquanto isso o jogador seguirá preso.

A juíza Isabel Delgado, na 21ª Seção de Audiência de Barcelona, também ordenou que Daniel Alves, após cumprir a pena, tenha liberdade supervisionada por cinco anos, ficando afastado da mulher por nove anos. Determinou ainda que o jogador pague uma indenização de 150 mil euros, que corresponde a pouco mais de 800 mil reais, além das custas de todo o processo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =