Ex-vereador e empresário de Várzea Alegre denuncia mulher por estelionato; prejuízo é de mais de 1 milhão de reais

Acusada tem cargo na prefeitura de Várzea; Polícia Civil investiga o caso

Um empresário e ex-vereador pelo município de Várzea Alegre registrou na Delegacia de Polícia Civil, no último dia 4 de abril, um Boletim de Ocorrência por estelionato.

De acordo com o BO, o qual o EscotilhaNews teve acesso, a acusada, L.C, residente no sítio Serrote, zona rural do município, aproveitando-se da situação e fragilidade da esposa do ex-vereador, convenceu a mesma de que uma mulher que o edil teria mantido um relacionamento extraconjugal havia realizado um feitiço para destruir a sua família. Assim, segundo o BO, a esposa do ex-vereador acreditou na versão apresentada pela acusada. Nesse contexto, L.C começou a dizer que tinha um rezador que faria o trabalho na tentativa de reverter a situação.

L.C então começou a cobrar, duas vezes por semana, a quantia de R$ 3.500,00, além de compras em estabelecimentos comerciais da cidade. Segundo a vítima, essa situação perdurou por aproximadamente 3 anos, causando um prejuízo de aproximadamente 1 milhão e duzentos mil reais ao empresário.  

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Várzea Alegre.

O EscotilhaNews tentou contato com a acusada mas não obteve retorno.

Estelionato

A pena prevista no Código Penal para o crime atualmente é 1 a 5 anos de prisão. O crime de estelionato consiste basicamente na prática de golpes, nos quais o criminoso engana a vítima para obter algum tipo de vantagem, na maioria das vezes dinheiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 8 =