Indivíduo de alta periculosidade reage a abordagem e morre em confronto com a polícia, em Cedro

O indivíduo atirou quatro vezes contra os policiais, que revidaram e acabaram acertando-o; o mesmo veio a óbito no hospital

Por volta das 08h da última sexta-feira (3), a Polícia Militar de Várzea Alegre foi informada que no sítio Cobra, zona rural de Cedro/CE, havia um indivíduo moreno, alto, com tatuagens no braço em atitude suspeita, pedindo informações a populares  naquele local.

De imediato uma viatura da PM se dirigiu àquela localidade e constatou a veracidade dos fatos, entretanto o indivíduo não foi localizado no Sítio Cobra. Pouco depois os militares receberam a informação que o indivíduo estaria no Sítio Castro. De prontidão a viatura se dirigiu ao local informado  quando,  em uma estrada carroçal, encontraram o indivíduo com um pedaço de pau na mão e um revólver no bolso. Assim que o suspeito avistou a viatura, sacou o revólver e efetuou disparos em direção à composição militar. Dois disparos foram realizados pelo indivíduo e outros dois “picotaram”.

De imediato a guarnição desembarcou da viatura e reagiu, efetuando disparos de arma de fogo contra o indivíduo, que tentou empreender fuga passando por uma cerca de arame farpado. Nesse instante o indivíduo caiu alvejado, sendo colocado na viatura para que fossem prestados os primeiros socorros.

O homem, identificado pelo nome de Cícero Edno de Sousa Silva, mais conhecido por “Cibele”, foi socorrido ao Hospital Municipal Zulmira, no município de Cedro, vindo a óbito naquele hospital. O mesmo respondia criminalmente pela Lei 11343, § 33 e 35, bem como pelos crimes de receptação, lesão corporal, homicídio doloso, ameaça, violência doméstica, tráfico de drogas e crime contra a administração pública.

Cibele estava com monitoramento eletrônico, mas havia desligado o equipamento.

Após a diligência, os policiais obtiveram informações de que “Cibele” e um outro indivíduo de nome Cícero Marcos Alves Pereira, 25anos,  residente no bairro Alto do Padeiro, em Cedro, seriam os autores do crime de latrocínio tentado no último dia 02, no distrito de Santo Antonio, zona rural de Cedro.

Foi apreendido um revólver calibre 38, com tambor com capacidade para 6 munições, além de 2 munições calibre 38, marca CBC (ambas picotadas) e dois cartuchos deflagrados calibre 38 marca CBC. A arma de fogo foi apresentada na Delegacia de Polícia Civil de Cedro/CE, para os procedimentos administrativos cabíveis ao caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 2 =